Caricatura…

Maio 29, 2010

Caricatura by Tiago Hoisel


Formula 1 Grande Prémio da Turquia – Mark Webber conquista a pole position

Maio 29, 2010

Site: Circuito de Istambul

Mark Webber mantém-se imparável no Mundial de Fórmula 1 e, depois de ter alcançado a pole position em Barcelona e Monte Carlo, o australiano voltou a bater todos os seus rivais na qualificação para o GP da Turquia e a colocar um Red Bull na frente da grelha de partida. Mark Webber continua na mó de cima e obteve a sua terceira pole position consecutiva no Mundial de F1, graças a uma volta em 1.26,295s, desempatando no número de poles com o seu companheiro de equipa, Sebastian Vettel. No entanto, a pole position de Webber não foi fácil, pois a concorrência da McLaren-Mercedes e, em especial, de Lewis Hamilton foi bastante intensa. O piloto da equipa de Woking vai partir de segundo, tendo realizado uma volta apenas um décimo mais lento do que Webber. Vettel não conseguiu fazer melhor do que o terceiro tempo, tendo cometido um erro naquela que seria a sua última tentativa da sessão, assim ficando de fora da luta pela pole position. O jovem alemão apontou, no entanto, novas dificuldades ao nível dos travões do seu monolugar, razão pela qual acabou por cometer o erro que comprometeu a sua última tentativa. Jenson Button realizou o quarto tempo e manteve a alternância entre Red Bull e McLaren nas primeiras duas linhas. Nos dois lugares seguintes ficaram os dois Mercedes, com Michael Schumacher a bater o seu jovem companheiro de equipa, Nico Rosberg, apesar de não ter conseguido terminar o treino. Isto porque o heptacampeão foi protagonista de um excesso na sua última volta e acabou por sair de pista e ficar preso na escapatória da curva 8. Robert Kubica deu seguimento aos bons resultados da Renault, levando o R30 ao sétimo posto, à frente do único Ferrari que chegou à fase decisiva da qualificação, por intermédio de Felipe Massa. No fim-de-semana em que celebra o grande prémio número 800, a Ferrari é uma das derrotadas da qualificação. Sem performance para incomodar os mais rápidos, apenas Felipe Massa conseguiu chegar à fase decisiva da qualificação para o GP da Turquia, conseguindo o oitavo posto. Bastante pior esteve Fernando Alonso, que surpreendentemente ficou de fora da fase decisiva de qualificação, apenas com o 12º tempo. O piloto espanhol errou naquela que era a sua primeira volta rápida com pneus macios e não conseguiu, depois, fazer um tempo suficientemente rápido para entrar nos dez melhores da Q2. Também de notar que nenhum dos Force India conseguiu entrar nos dez melhores para a Q3, com Adrian Sutil a registar o 11º tempo e Vitantonio Liuzzi apenas o 18º. Postitiva foi a prestação da Sauber, que conseguiu colcoar Kamui Kobayashi entre os dez melhores, com o japonês a ser o 10º, logo atrás de outro piloto em boa conta, Vitaly Petrov, que levou o outro Renault ao nono posto.

in AutoSport

Resultados da Qualificação

1.  Webber         Red Bull-Renault        1.26,295
2.  Hamilton       McLaren-Mercedes        1.26,433
3.  Vettel         Red Bull-Renault        1.26,760
4.  Button         McLaren-Mercedes        1.26,781
5.  Schumacher     Mercedes                1.26,857
6.  Rosberg        Mercedes                1.26,952
7.  Kubica         Renault                 1.27,039
8.  Massa          Ferrari                 1.27,082
9.  Petrov         Renault                 1.27,430
10.  Kobayashi      Sauber-Ferrari         1.28,122

11.  Sutil          Force India-Mercedes    1.27,525
12.  Alonso         Ferrari                 1.27,612
13.  de la Rosa     Sauber-Ferrari          1.27,879
14.  Buemi          Toro Rosso-Ferrari      1.28,273
15.  Barrichello    Williams-Cosworth       1.28,392
16.  Alguersuari    Toro Rosso-Ferrari      1.28,540
17.  Hulkenberg     Williams-Cosworth       1.28,841

18.  Liuzzi         Force India-Mercedes   1.28,958
19.  Trulli         Lotus-Cosworth         1.30,237
20.  Kovalainen     Lotus-Cosworth         1.30,519
21.  Glock          Virgin-Cosworth        1.30,744
22.  Senna          HRT-Cosworth           1.31,266
23.  di Grassi      Virgin-Cosworth        1.31,989
24.  Chandhok       HRT-Cosworth           1.32,060


Xutos & Pontapés – Circo de Feras (Rock in Rio Lisboa 2010)

Maio 29, 2010

IX Feira da Cereja 2010 – Resende

Maio 29, 2010


Rock in Rio Lisboa 2010 (29 Maio)

Maio 29, 2010

4º dia do Rock in Rio Lisboa 2010.

Palco Mundo – Miley Cyrus – 22h15|McFly – 20h30| |Amy MacDonald – 19h00|D’Zrt – 17h45

Sunset Luís Represas & Martinho da Vila – 20h00| Tiago Bettencourt + Mantha & Tiê – 18h15| Lúcia Moniz & Mister Lizard – 17h00

Electrónica – DJ Vibe – 02h30 | Dubfire – 01h00| Audiofly – 23h30| Davide Squillace – 22h15| Tó Ricciardi – 21h00 

Site: Rock in Rio Lisboa 2010 


No quiosque…

Maio 29, 2010


BB King em Portugal

Maio 29, 2010

O músico norte americano BB King actua hoje, sábado, em Sabrosa, num concerto gratuito para o público e pago por fundos comunitários, que representa uma descentralização dos grandes concertos que decorrem em Portugal. A Rota do Vinho do Porto (RVP) lançou no ano passado o “Douro Charme”, uma iniciativa com investimento previsto de 355 mil euros, comparticipados em 248 mil euros pelo Programa Operacional Regional do Norte (O Novo Norte ON.2).  O concerto com BB King é a terceira acção do programa e aquela que está a criar mais expectativas.  “Este é um concerto histórico, será provavelmente a última vez que BB King actuará em Portugal e na Europa”, afirmou o responsável pela RVP, José António Teixeira. A organização referiu que o “cachet” do artista representa 120 mil euros, “muito barato”, tendo em vista que, segundo José António Teixeira, o mesmo concerto pode “custar em Espanha ou outros países onde ele vai actuar qualquer coisa como 400 ou mesmo 500 mil euros”. A montagem do palco, equipamento técnico e camarins fica a cargo da autarquia, que irá pagar cerca de 26 mil euros. “O nosso preço é muito especial, muito negociado e que nós conseguimos porque é um concerto histórico, institucional e sem bilheteira. Houve muito boa vontade por parte do artista e do seu agente para nos proporcionarem valores adequados à crise que vivemos”, sublinhou. O responsável frisou que, sendo o “Douro Charme” um projecto de “âmbito de promoção pura”, a legislação em vigor não permite que as suas iniciativas sejam cobradas. “É uma condicionante imposta pela própria legislação”, garantiu. Quem agradece são os milhares de pessoas esperadas para ver o concerto do músico de 85 anos que arranca em Sabrosa com uma digressão pela Europa. José Duarte, professor auxiliar convidado para disciplinas Jazz de opção livre na Universidade de Aveiro, afirmou à Agência Lusa que BB King é um guitarrista exímio e um homem com muita aceitação no mundo da música internacional. Importante para este crítico de música é destacar que “as principais cidades portuguesas estão a perder a hegemonia em relação à divulgação cultural”. “É importante saber-se que existem pequenas terras como esta que têm o descaramento saudável e progressista de pagar ao BB king para ele actuar para as suas populações. É claro que o concerto não vai viver só das pessoas da terra, mobiliza gente vizinha”, salientou. José Duarte disse ainda acreditar que se pedissem dinheiro pela entrada iria na mesma bastante gente porque o nome deste artista “mobiliza o resto de gente com bom gosto que existe em Portugal”.

in Diário de Notícias

Site: BB King

BB King em Sabrosa (antevisão) – Reportagem RTP


Vodafone Rally de Portugal 2010 – 1º dia

Maio 29, 2010

A Citroen ocupa as três primeiras posições no final do primeiro dia do Vodafone Rally de Portugal. Sebastien Ogier comanda, após as sete classificativas do dia, das quais ganhou cinco, com 26 segundos de vantagem sobre Dani Sordo, que tem 18,2 segundos de avanço sobre Sebastien Loeb, o comandante do campeonato. Quando se previam manobras tácticas para o final do dia, com os pilotos a procurarem as melhores posições na estrada para a segunda etapa, foram as circunstâncias a determinar as posições finais. Primeiro na estrada, o comandante do campeonato, Sebastien Loeb, estava em desvantagem, por ter de limpar a estrada para os que o seguiam. Por isso, tentou encontrar uma boa aderência para as primeiras passagens, prevendo que as segundas seriam mais difíceis, uma vez que a limpeza da estrada deixava as pedras à vista. No final da primeira “ronde” era quinto. Uma vez mais, foi Sebastien Ogir a assumir o papel principal ao vencer cinco das seis classificativas do dia (a outra foi ganha por Sordo), tirando o melhor partido do facto de ser o quarto na estrada, o que lhe permitiu chegar ao parque de assistência, a meio da etapa, com 1,8 s. de avanço sobre Dani Sordo. O espanhol manteve a pressão sobre Ogier ao longo do dia, enquanto Mikko Hirvonen (Ford) chegava a meio da etapa a 18,1 s. de Sordo, depois de se ter imposto a Loeb, beneficiando do facto de ser o terceiro na estrada. Petter Solberg arrancou com confiança, mas um toque numa barreira, na superespecial de abertura, causou-lhe problemas de suspensão, que não o impediram de terminar a primeira parte do dia em quarto. Face às condições atmosféricas e do terreno, os pneus passaram a ter papel determinante, tanto mais que a dureza do piso e a falta de aderência obrigava os pilotos a terem cuidados redobrados para os conservarem em bom estado para cumprirem as três especiais. E alguns fizeram-no melhor do que outros. Ogier manteve a toada matinal e, na segunda passagem pelas três classificativas do dia, aumentou a vantagem, sobre Sordo, para 26,6 segundos. O espanhol sentia os pneus perderem aderência e perdeu tempo quando numa travagem, para abordar um gancho, o motor não respondeu e o fez sair da estrada. Solberg parecia bem colocado para o segundo dia, mas o facto de os seus pneus estavam destruídos no final da etapa, felizmente a três quilómetros do final da especial, e do carro ter sofrido estragos na traseira levaram-no a perder tempo e a cair para quinto, a 49,9 s. do comandante. Problemas de pneus, também, para Hirvonen, que apesar disso conseguiu ultrapassar Solberg, mas já não fez o mesmo a Loeb, terminando o dia em quarto, a 49,6 segundos do primeiro, mas mais importante a escassos 2,1 segundo de Loeb. Entre os S-WRC, reservado aos S2000, Nasser Al-Attiyah parecia ter a concorrência sob controlo, no seu regresso com o Ford Fiesta S2000. No entanto, a assistência assistida falhou no final do dia e relegou-o para segundo atrás de Jari Ketomaam noutro Fiesta. PG Andersson é terceiro e primeiro dos Skoda, enquanto Xavi Pons acabou o dia em quarto, mas perdeu tempo, com um furo da parte da manhã. O português Bernardo Sousa, comandante do Campeonato de Portugal, adoptou uma estratégia que visa a obtenção do máximo pontos para o campeonato português, sem correr os riscos inerentes à luta pelas primeiras posições entre os S-WRC. Por sua vez, o campeão do Mundo de Produção, Armindo Araújo viu-se penalizado pela ordem de partida e perdeu tempo, por encontrar as especiais mais degradadas terminando o dia em 22.º da geral, nono dos N4 e segundo dos carros de Produção convencional. O segundo dia da prova vai levar as equipas a cumprirem mais seis especiais, duas passagens por três classificativas desenhadas a norte de Faro, com a primeira equipa a começar a primeira classificativa às 09.27.

Site: Rally de Portugal


I Encontro de Aquariofilia de Salvaterra de Magos

Maio 29, 2010

Decorre este fim de semana, 29 e 30 de Maio, o I Encontro de Aquariofilia de Salvaterra de Magos, no Celeiro da Vala, em Salvaterra de Magos. Esta iniciativa promovida pelo Grupo de Amigos de Aquariofilia de Salvaterra de Magos, conta no seu programa com uma exposição de aquariofilia, várias palestras e também concursos.

Site: Grupo de Amigos de Aquariofilia de Salvaterra de Magos