Le Mans Series – 1000 km do Algarve

No próximo fim-de-semana, o Autódromo Internacional do Algarve, nos arredores de Portimão vai ter o privilégio de apresentar a primeira corrida nocturna da Le Mans Series, os 1000 km do Algarve. A prova portuguesa vai contar com cerca de 40 carros à partida, como é habitual, divididos por quatro classes, duas de sport-protótipos e duas de GT, conforme o seu nível de preparação técnica. Embora tenha estado prevista a participação de Pedro Lamy, a Peugeot optou por não vir à corrida algarvia, pelo que Tiago Monteiro, ex-piloto de F1 e membro da SEAT no WTCC, será a estrela principal, juntamente com três outros portugueses que irão correr na categoria principal. A estes juntam-se outras presenças nas provas de apoio, incluindo Filipe Albuquerque, que vai participar nos Superstars ao volante de um Audi RS4, ou a habitual presença portuguesa na Supercopa SEAT Leon. Ao todo, além da Le Mans Series, existirão corridas de apoio de seis competições diferentes, incluindo protótipos, monolugares, turismos e clássicos. Fora da pista, a organização da prova propõe várias formas de entretenimento, incluindo concertos musicais, um parque infantil e acções de marketing por parte das marcas e dos patrocinadores presentes. Como a prova principal também está marcada para um horário nocturno, a organização espera que “as pessoas saiam da praia à tarde e venham ver a prova sem estar sob o sol abrasador”, aproveitando os acontecimentos no paddock para manter a família animada. Como não existem equipas oficiais de grandes construtores (a Aston Martin voltou a ser um pequeno construtor independente), a luta pela vitória vai estar entregue às equipas privadas. Os grandes favoritos são a Aston Martin Racing, Oreca e Pescarolo, sendo que esta última lidera o campeonato apesar de não ter ganho nenhuma das duas provas já disputadas. No Algarve, apenas vai participar com um carro devido a dificuldades orçamentais (que deixaram o piloto português João Barbosa ‘pendurado’) mas Henri Pescarolo é especialista em fazer grandes resultados com poucos meios. A Oreca, por seu lado, ainda só tem um pódio, mas evoluiu mais esta época que a sua antecessora, a Courage (comprada pela Oreca no final de 2007) em cinco anos. Finalmente, a AMR usa a estrutura da Prodrive, e ganhou a primeira corrida da temporada. Nas outras categorias, a classe LMP2 deverá providenciar uma batalha interessante entre o Ginetta-Zytek da equipa portuguesa ASM, os Lola-Judd da Racing Box e Speedy Racing e o Lola-Mazda da RML. Os GT1 pouco interesse têm com apenas dois carros à partida, enquanto nos GT2 serão os Ferrari e Porsche com apoio oficial (JMW e Team Modena de um lado, Felbermayr-Proton e IMSA do outro) que estarão em posição de ganhar.
Horário
Quinta-feira, 16h45 Treinos livres
Quinta-feira, 21h30 Treinos livres
Sexta-feira, 13h45 Treinos livres
Sexta-feira, 19h10 Qualificação (GT)
Sexta-feira, 19h40 Qualificação (LMP)
Sábado, 10h50 Warm-up
Sábado, 17h00 Autógrafos
Sábado, 17h45 Pit walk
Sábado, 18h30 Grid walk
Sábado, 19h15 Corrida

in AutoSport

Site: Le Mans Series

Spot Le Mans Series – 1000 KM do Algarve

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: